Das delicadezas do amor

Um acúmulo bonito de coisas que não consigo nem mostrar.

1 de julho de 2011

Em 
que
nova 
galáxia 
posso 
te encontrar outra vez?

Nenhum comentário:

Postar um comentário