Das delicadezas do amor

Um acúmulo bonito de coisas que não consigo nem mostrar.

3 de abril de 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário